LEGENDA Bora Ler: The Silkworm - Robert Galbraith

O detetive Cormoran Strike é contratado por Leonora Quine para encontrar o seu marido, o escritor Owen Quine que está desaparecido há dias. Contudo, Cormoran começa a desconfiar que o desaparecimento não é tão simples quanto parece, uma vez que, antes de sumir, Owen escreveu um livro no qual revela grandes segredos de quase todos que conhecia e que se fosse publicado arruinaria muitas pessoas. O caso fica mais complexo, quando o detetive encontra Owen assassinado de forma brutal e bizarra, e agora, de posse do manuscrito do livro, Cormoran Strike ao lado de sua parceira Robin Ellacott terão que desvendar a enorme lista de suspeitos e encontrar o culpado.
Vale a pena ou a galinha inteira? 

Quem já leu O Chamado do Cuco já sabe o que esperar desse livro, só acrescente a isso muito mais reviravoltas e um grau mais elevado de maturidade. Neste segundo volume da série, podemos perceber que a autora usou de toda sua "brutalidade" de palavras ao escrever. Palavrões e cenas fortes dão maior veracidade ao ambiente que ela cria para seus personagens, o que é muito bacana. Como aconteceu o livro anterior, neste, também iremos conhecer um pouco mais do passado de Cormoran e um destaque maior será dado à Robin e sua relação com Matthew, seu noivo. Essa construção de personagens que Rowling faz em um livro policial, não consegui observar em outros que eu tenha lido, talvez para algumas pessoas, isso possa incomodar, uma vez que, há capítulos inteiros apenas para retratar a convivência dos personagens com parentes e amigos.

Um destaque também para uma das grandes diferenças deste livro, é a enorme lista de suspeitos. Como o provável culpado é um dos personagens do livro, cabe a Strike tentar descobrir quem é qual personagem e a partir daí, começar a montar o enorme quebra-cabeças, que tem suas peças somadas a cada capítulo virado. Meu único erro, foi não ter feito uma lista de personagens para controle, ao mesmo tempo que isso aumenta o número de suspeitos, também aumenta o número de nomes para você se lembrar, então vale fazer uma colinha para não se perder e ter que voltar capítulos para lembrar quem é quem.

Com uma narrativa bem fluída e um enredo que prende o leitor, The Silkworm consegue manter o padrão J.K. Rowling de qualidade e até mesmo se superar, deixando poucos rastros (ou até mesmo nenhum) que entreguem o culpado, colocando à prova os amantes de livros policiais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário